quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Porque te amo



Amo-te porque minha alma já te amou outrora. Fez-me esperar sua volta, te procurar a cada esquina, ouvir seus passos e caminhar para seus braços.

Amo-te porque minha alma sabia de sua existência, chorou em sua ausência, me fez recordar e querer te reencontrar.

Amo-te antes de ter nome e face, sentindo sua alma revelando-se num entrelace, entre sussurros e segredos chamando por mim.

Amo-te, porque meu corpo desejou estar junto ao seu, um sonho que jamais morreu na ânsia de poder te tocar.

Amo-te e tento imortalizar nosso amor, com calma através da escrita. Embora você, insista em dizer, que nosso amor já está imortalizado através de nossas almas.

Amo-te, embora não entenda o mistério, sei o que quero e respeito meu coração. E na perfeição da criação, o que Deus criou e moldou ninguém pode separar.





Beijos, aos que visitam este espaço!




Glimboo imagens

10 comentários:

Quasímodo disse...

Há coisas que só nós sabemos e sentimos.
Expressá-las como, se as palavras são insuficientes e banais?
Melhor é o sentir sem palavras.
O sentimento se basta por si mesmo quando é sincero e verdadeiro.
Que entendam e saibam merecer nosso sentir.
Mudo. Sem palavras.

Abraço, querida amiga.

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Lindo, Lu, a cada dia vc se supera!
Gostaria de fazer-lhe uma pergunta?
vc só vai ao meu Blog quando posto algo seu? Sim, porque a venho chamando há tempos e vc não vai. Vá querida, tudo está mais leve.
Um beijo,

wwwrenatacordeiro.blogspot.com

Véu de Maya disse...

É um amor muito lindo o que partilhas connosco...e com o mistério de uma ausência tão presente nos encantos da tua alma bela e perfumada...

bjinho

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Lu:
É aniversário da Bruninha, minha sobrinha e afilhada, ela faz 11 anos, mas não terá festa, pois o seu pai, meu irmão, teve um infarto e está hospitalizado. Venha para a sua festa. Há de comer e de beber também para adultos.
Bjs,
Renata
wwwrenatacordeiro.blogspot.com

Be disse...

Hoje vou te dizer ,,. cada vez mais vejo que fui adotada por uma pessoa de coração leve, que ama e sabe amar.
Continua sempre assim, como sempre foste
Beijos minha amadinha

uns olhos... disse...

primoca, querida!

feliz por vê-la feliz.
que maravilha é o poder sentir.
e mais que isso, o poder expressar aquilo que vai na alma. e mesmo que as palavras sejam insufifientes p/ tanto, você tem feito isso muito bem.
obrigada por compartilhar.
beijo amada

Lu disse...

Quasímodo, bem dito. Por vezes as palavras não definem tudo que o que sentimentos e parecem insuficientes...
Outro abraço, querido amigo.

.

Betin@!!!
Amada mami que adotei e que amo muiito, tu és um ser maravilhoso. E escolhi bem, viste?
Beijos, bom final de semana!

.


Uns lindoca!
Feliz sim...rss
Beijos, amada do meu coração!


.


Obrigada a todos que visitaram e espaço.
Vizinhos blogueiros, bem vindos sempre!
Beijos!

Anne disse...

Hoje viu reler esse texto e te digo mais uma vez...está lindo demais! Por mais que as palavras não alcancem esse tipo de sentimento, vc soube expressa-lo de forma única, com uma sensibilidade que é toda sua. Vc é realmente uma alma linda, uma pessoa mais do que especial!

Aprendo mto com vc, sabia?
Obrigada, por tudo!!!

Lindo esse amor, lindas as palavras, linda a sua forma de falar sobre ele e a história por tras das palavras. Torcendo aqui, sempre!!!

Amo vc!
Beijos

Oliver Pickwick disse...

Lu... desconfio que a sua pele está mais acetinada que a de um bebê. ;)
Um beijo!

Fátima N. disse...

____aah esse amor de almas, aquele que trazemos de tantos e tantos encontros por tantas vidas. é um reconhecer-se no outro, sem palavra ser dita, é uma olhar caido no olhar do outro que revela toda uma existência.
assim é.
assim seja.
.
vida longa às almas assim.
.
beijos desse lado de cá.