sábado, 11 de abril de 2009

Num fim de tarde...




Daquelas que morrem com chuvas, mudas, insanas e mundanas... Fim de dia quieto, na certeza de mais um dia que virá incerto...


E um vento dispara um sopro zombeteiro, ligeiro, como se fosse um moleque atrevido dizendo no ouvido: Que fizeste até agora?... Olha-se a hora, o tempo é ligeiro, o relógio gira seus ponteiros e já passaram-se muitos janeiros.

Vaga a mente... Revive-se acontecimentos com suas imagens, sonhos e nossas conquistas, revistas com suas frases e emoções. O que fomos e o que somos, a vida que projetamos... De onde partimos e porque viemos. Se um dia sabemos o que queremos, noutro percebemos enganos... E nem sempre o que buscamos encontraremos. Mas o que queremos, ainda serão nossos sonhos...


Um fim de tarde ...



E a memória testemunha.



Beijos!


23 comentários:

Milly disse...

Sempre assim...incertezas,idas e vindas...rs
Nada como uma boa chuva pra lavar a alma...
.
Feliz Páscoa,querida!!
Tudo de bom pra ti!
Melhoras,tá?
Beijos!
.
.

Oliver Pickwick disse...

Teiquirisi, babe! Nenhum mortal debaixo deste céu jamais conseguiu materializar todos os seus projetos. Isto seria até enfadonho, tiraria o brilho de certas conquistas.
Diálogo de um futuro sombrio:
- Olha quem passou ali!
- Quem, menina?
- A Lu. Aquela garota chata que acerta todas!

Be careful, baby! O vento é um dos quatro elementais, e os espíritos que o acompanham não zombam de ninguém.
Um beijo!

P.S.: Cavalaria pontual, hein? ;)

Quasímodo disse...

Vaga a mente; vagamente.

Garota chata que acerta todas!...

Feliz Páscoa.

◦Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ ѕεறிoτιvo ◦Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ disse...

Lindo! Me lembrou uma música do Djavan...
"Lá na beira da estrada, o ingá se debruçou e eu amanheci sorrindo sonhando com nosso amor..."
Texto calmo como a música. Amei.

Beijos

Ray

Lu disse...

Milly!
Obrigada, rsss

Beijos, muiiitos!

Lu disse...

Ah, Oliver....
Eu só quero entender as coisas. Não acertar todas, viste? rss



Beijos amigo!


P.S:Cavalaria digna de um grande reino!

Lu disse...

Quasímodo!
Ó... tô tentanu entender os troço, rsss


Beijos!

Lu disse...

Ray,que linda você!
Beijos!

Lu disse...

Acho que passou uma fada aqui e arrumou a imagem...rsss

Passou, sim!

Oliver Pickwick disse...

Também não precisa entender tudo. Eu, por exemplo, jamais entendi de onde viemos e para onde vamos. E pensa que me importo? ;)
Um beijo!

Vieira Calado disse...

Parece mesmo que chove.
Como é que vocês fazem isso?
Cumprimentos

Anne disse...

"Se um dia sabemos o que queremos, noutro percebemos enganos... e nem sempre o que buscamos encontraremos". Amei esse trecho, percebemos enganos, mas tb acertamos. E as vezes encontramos o que nem estávamos buscando, mas que no fim das contas se torna melhor do que o que queríamos, nao é?

Vou abrir mão de mais palavras, fico aqui do seu lado, em silêncio, compartilhando dos teus sentimentos. Pode encostar a cabeça no meu ombro que eu deixo, permita que eu carregue um pouco o peso do teu fardo, só nesse minuto, nesse momento, descansa aqui, minha amiga!!! E lembre-se que estarei com vc, sempre.

Amo-te.
Beijos, montes deles!

Wagner Marques disse...

isso me deu frio!

Gata de Rua disse...

voltei...parabéns pelo Nivers.
escrever...é como organizamos nossas gavetinhas internas,Por pra fora, jogar ao mundo,repartir..re partir ou re voltar.

Milly disse...

Hum...tem alguém aí?
Se tiver,grite...rs
Beijos,amada!!
Muitos!
Cuide-se!!
.
.

Oliver Pickwick disse...

Ei, Lu! Por onde anda, garota? Espero que de férias e vendendo saúde.
Um beijo!

Anônimo disse...

Manda notícias da Crotilde Maria...

Milly disse...

Repito o que o Noni querido disse alí...dê notícias do Astro?..rs
Cuide-se,querida!
Muitos beijos!!
.
.

uns... disse...

passando também por aqui p/ deixar um beijo... beijo de saudades e de torcida p/ que você (re)apareça.

carinho...

Leonardo Curcino disse...

poxa... que bonito isso!

Véu de Maya disse...

A distãncia não apaga a beleza...
vc vai voltar ao seu blogue um dia...fique bem...que tudo dê certo, minha bela amiga da blogosfera...torço por vc.

beijinho,

Véu de Maya

Milly disse...

Ô,de casa!
Seu Zé pergunta se tá tudo bem...quê digo pra ele?
Diga que sim,sim...está uma belezura...e eu vou repassar...rs
Beijos,querida!!
Muitos!
.
.

Vieira Calado disse...

E as chuvas (levam)

lavam os restos...

Bjs